PDT descarta nome de Lígia Feliciano para o Senado na Paraíba

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, descartou nesta segunda-feira (20), em mensagem ao blog Agenda Política, a possibilidade de eventual pré-candidatura da vice-governadora da Paraíba, Lígia Feliciano, ao Senado.

A tese passou a ser cogitada e especulada como alternativa, nos bastidores da política estadual, depois que o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) recuou da virtual disputa ao Senado na chapa do governador do estado.

Ao blog, Lupi disse que Lígia “não representa o PDT nas eleições desse ano”. A família Feliciano foi destituída do comando do partido no início de abril depois que o deputado Damião decidiu se filiar ao União Brasil.

Na mesma linha, o presidente do diretório estadual do PDT descartou eventual pré-candidatura de Lígia ao Senado. “Sinceramente, não há qualquer cogitação nesse sentido”, afirmou.

Apesar de estar filiada ao PDT, Lígia não conta mais com o apoio das direções nacional e estadual, que seguem descontentes com a posição da família Feliciano no estado.

A tese de pré-candidatura de Lígia foi reforçada depois que a vice-governadora voltou a manter contato com João Azevêdo, com quem está rompida desde o ano passado.

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *