Twitter admite erro e desbloqueia perfil de Eduardo Bolsonaro

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) em sessão na Câmara Foto: Cleia Viana / Câmara dos Deputados

O Twitter admitiu ter cometido um equívoco ao bloquear temporariamente o perfil do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), neste domingo (06). A empresa liberou a conta do parlamentar depois que ele fez reclamações em outras redes sociais.

“Mais uma, agora no Twitter. E segue a pergunta: por quê? Eles não dizem nem qual post eu violei a tal política da comunidade. E lá vou eu mais uma vez tratar com advogados a questão”, afirmou o deputado no Instagram em publicação com a imagem do perfil bloqueado.

Em tom de cobrança, na publicação, Eduardo mostra a mensagem que recebeu do Twitter, com a justificativa para o bloqueio. A publicação que teria motivado a medida não foi mencionada.

Segundo jornal O Globo, o Twitter informou que um tuíte da conta do deputado foi identificado de maneira equivocada pelos sistemas da rede social como violador das regras. A plataforma liberou o perfil após perceber o equívoco.

“Como acontece nesses casos, o usuário recebeu um e-mail pedindo que ele removesse o Tweet em violação para desbloquear sua conta”, disse. “O erro foi identificado, o Tweet voltou ao ar e a conta já está liberada para uso”, acrescentou.

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *