Sérgio Queiroz recorre a Ulysses Guimarães e faz crítica à ‘política uterina’

No dia em que o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) anunciou que não vai concorrer ao Senado, e que seu partido, o Progressistas, pretende indicar o candidato a vice na chapa do governador João Azevêdo (PSB), o pré-candidato ao Senado pelo PRTB, Sérgio Queiroz, foi às redes sociais criticar a chamada ‘política uterina’.

Sem mencionar nomes ou grupos políticos, o procurador da Fazenda Nacional recorreu a uma frase de Ulysses Guimarães para deixar um recado a seus seguidores. “É indecoroso fazer política uterina, em benefício de filhos, irmãos e cunhados. O bom político costuma ser um mau parente”, escreveu, recitando o ex-deputado constituinte.

Segundo o dicionário, “uterino” é aquilo que é nascido do mesmo útero; consanguíneo por parte de mãe. Foi uma crítica explícita à política familiar, compartilhada de geração para geração, na Paraíba.

O PRTB deve ir para a disputa em outubro, a princípio, com uma chapa “puro sangue”. Recentemente, o partido definiu o Major Fábio, ex-deputado federal, como pré-candidato ao Governo do Estado. Os nomes para a vice-governadoria e os suplentes de Sérgio Queiroz ainda não foram anunciados ao público.

A crítica de Sérgio Queiroz parece ser direcionada à maioria de seus adversários, que têm ligações familiares. O PRTB tem buscado espaço entre eleitores evangélicos e conservadores da Paraíba, numa disputa de espaços com o pré-candidato Bruno Roberto (PL), filho do deputado federal Wellington Roberto (PL).

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *