Palanque de Lula tem ‘impasse’ com PSB na Paraíba e em mais 7 estados, diz jornal

Uma reportagem publicada pelo jornal ‘O Globo’, neste domingo (19), aponta que a campanha do ex-presidente Lula da Silva (PT) precisa resolver pendências sobre o palanque petista em 12 unidades da federação. Na Paraíba e em mais 7 estados, o impasse é com o PSB, do pré-candidato a vice-presidente Geraldo Alckmin.

Segundo o jornal, as duas siglas tentam resolver impasses no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio, Espírito Santo, Paraíba, Acre e Amapá. Na semana passada, porém, o ex-presidente Lula gravou um vídeo em que deixa explícito seu apoio a Veneziano Vital do Rêgo, do MDB, para o Governo do Estado, e ao ex-governador Ricardo Coutinho (PT) para o Senado. O fato não foi mencionado na reportagem.

O governador do Estado, João Azevêdo (PSB), também pleiteia o apoio, já tendo a garantia do presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, de que Lula teria consentido esse segundo palanque em âmbito local.

Ainda de acordo com O Globo, integrantes da campanha de Lula avaliam, por exemplo, que seria importante ter um único candidato em São Paulo, onde Márcio França (PSB) resiste à ideia de trocar a candidatura a governador por um lugar ao Senado na chapa petista encabeçada pelo ex-prefeito Fernando Haddad. Se não houver acordo, Lula terá dois palanques no estado.

Por outro lado, Lula já tem a sua situação definida em 13 estados. Em seis deles, o candidato será do PT. O presidente Jair Bolsoanro (PL) avançou mais na composição dos estados, tendo costuras acertadas em 23 unidades da federação.

Confira o mapa a seguir 

Agenda Política com O Globo

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *