Justiça inocenta ex-ministro Pazuello por crise de oxigênio em Manaus

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello / Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Por Jovem Pan – A Justiça do Amazonas inocentou o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello pela crise de oxigênio que ocorreu em Manaus em janeiro de 2021, durante o pico da pandemia de Covid-19. O ex-secretário de Saúde do Amazonas Marcellus Campêlo, a ex-secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde Mayra Pinheiro, e seu sucessor, Helio Angotti, também foram absolvidos. A decisão desta terça-feira (10) foi tomada com base as mudanças na Lei de Improbidade Administrativa, aprovadas no ano passado. A nova legislação considera necessária a comprovação de dolo, ou seja, a intenção em praticar o crime.

Fonte: Jovem Pan
Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *