Partido conservador: PTB explica retirada de apoio a Nilvan ao Governo do Estado

O presidente do PTB na Paraíba, Dede Salles, informou nesta segunda-feira (11), que o partido não vai mais apoiar a pré-candidatura do apresentador Nilvan Ferreira (PL) ao Governo da Paraíba por causa de uma diretriz apresentada pela Executiva Nacional do partido.

Em entrevista ao programa Arapuan Verdade, da Rádio Arapuan FM, Dede Salles disse que decisão ocorreu porque o Partido Liberal, que abriga o apresentador, está alinhado com o PT em alguns estados, o que diverge da ideologia conservadora do PTB.

“A imprensa nacional vem noticiando que o PTB desembarca das pré-candidaturas do PL. O PTB é um partido de direita, conservador, e não admitimos que alguns candidatos apoiem o PT em alguns estados. Por isso, não vamos com Nilvan na Paraíba”, ressaltou.

Na Paraíba, porém, o PL está alinhado com o presidente Jair Bolsonaro, com direito a um vídeo gravado por ele em apoio ao apresentador Nilvan Ferreira. Na última quinta (07), o PTB já tinha anunciado a retirada de apoio à pré-candidatura de Bruno Roberto (PL) ao Senado e apoio ao nome do deputado federal Efraim Filho (União Brasil).

A utilização do termo ‘conservadorismo’ em dias atuais, entretanto, é controversa, tanto no Brasil quanto na Paraíba. Políticos que se declaram alinhados a essa corrente demonstram total desconhecimento das ideias de Edmund Burke (1729-1797), fundador do conservadorismo moderno, e quando o assunto envolve alianças políticas, fazem tudo o que é completamente oposto a um pensamento conservador.

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *