Sociedade que mata bebês ‘não tem moral’ para condenar bandidos adultos, diz Sérgio Queiroz

O pré-candidato ao Senado, Sérgio Queiroz (PRTB), disse nesta quarta-feira (06), em publicação nas redes sociais, que ‘uma sociedade que mata seus bebês inocentes nunca terá moral para prender os seus bandidos adultos’. A declaração foi uma resposta direta ao ex-presidente Lula (PT).

Em publicação no Instagram, Queiroz publicou trecho de uma notícia em que o ex-presidente critica a classe média brasileira e faz uma defesa enfática do aborto. A declaração do petista ocorreu em um debate realizado em São Paulo e contou com ex-integrantes do Parlamento Europeu.

“Aqui no Brasil ela não faz porque é proibido, quando na verdade deveria ser transformado numa questão de saúde pública e todo mundo ter direito e não ter vergonha”, disse o petista. No mesmo evento, Lula criticou a pauta da família e valores, que segundo ele “é uma coisa muito atrasada” e que se deve “assumir a discussão tentando fazer a sociedade evoluir e não compartilhando do retrocesso”, opinou.

Nas redes sociais, seguidores do pastor licenciado da Igreja Cidade Viva elogiaram o posicionamento do pré-candidato. “Simplesmente, espetacular a sua colocação”, escreveu o advogado Inácio Queiroz. “Que frase perfeita o senhor escreveu em sua legenda. Acredito demais nessa verdade”, disse Daniel Correia.

Ontem (05), outra frase do ex-presidente causou repercussão nas redes sociais. Em entrevista à Rádio T, do Paraná, ao fazer um elogio à presidente do PT, Gleisi Hoffmann, Lula afirmou que ‘às vezes fico imaginando que Deus é petista’. A fala causou a reação de conservadores e evangélicos do país.

Confira a publicação a seguir

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

1 Response

  1. CLEBER disse:

    Como pode se esse pastor apoia quem defende a tortura de mulheres grávidas ?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *