Nota oficial: Moro ‘abre mão’ de concorrer à Presidência da República

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, oficializou nesta quinta-feira (31), sua desistência de concorrer à Presidência da República. Por meio de nota, informou que será ‘um soldado da democracia para recuperar o sonho de um Brasil melhor’.

Mais cedo, Moro migrou do Podemos para o União Brasil, presidido nacionalmente por Luciano Bivar. Na nota, ele fala em “facilitar as negociações das forças políticas de centro democrático em busca de uma candidatura presidencial única”.

Leia a nota na íntegra a seguir

Nota oficial: O Brasil precisa de uma alternativa que livre o país dos extremos, da instabilidade e da radicalização. Por isso, aceitei o convite do presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, para me filiar ao partido e, assim, facilitar as negociações das forças políticas de centro democrático em busca de uma candidatura presidencial única. A troca de legenda foi comunicada à direção do Podemos, a quem agradeço todo o apoio. Para ingressar no novo partido, abro mão, nesse momento, da pré-candidatura presidencial e serei um soldado da democracia para recuperar o sonho de um Brasil melhor.

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *