‘Nós respeitamos as liberdades individuais (…) e às vezes é melhor perder a vida do que a liberdade’

“Nós respeitamos as liberdades individuais e o povo brasileiro tem procurado as políticas públicas livremente. O presidente ainda há pouco falou: “às vezes, é melhor perder a vida do que perder a liberdade”.

“Não estamos aqui querendo fazer nenhum tipo de polemização, mas são direitos fundamentais e que eles têm a mesma importância e o nosso compromisso é com isso”, acrescentou.

Do ministro da saúde, o paraibano, Marcelo Queiroga.

 

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *