‘mundo chato pra cacete’: em aceno a conservadores, Lula defende piada sobre nordestinos; VÍDEO

Em uma clara mudança de discurso, o ex-presidente Lula (PT) fez um aceno ao público conservador e pediu o fim do chamado ‘politicamente correto’ no debate público. Em entrevista a influenciadores digitais, nesta terça-feira (26), o petista afirmou que o mundo ‘está chato pra cacete’ e defendeu a existência de piadas sobre nordestinos e outras minorias.

“Aí sim a gente vai ter um mundo feliz, um cara contando de nordestino e eu rindo, um cara contando piada de outras pessoas e eu rindo. Eu contanto piada, sabe, de outras pessoas e elas rindo. Tá proibido contar piada, o mundo tá chato pra cacete. Todas as piadas viraram politicamente erradas”, afirmou.

O termo “politicamente correto” é usado para apontar estereótipos vistos como preconceituosos contra determinados grupos. O presidente Jair Bolsonaro (PL) foi eleito, em 2018, com discurso contrário ao politicamente correto, que segundo ele tem como objetivo censurar a opinião de conservadores e cristãos.

A mudança no discurso de Lula ocorre num momento em que a pré-campanha do petista vem passando por conflitos internos na comunicação e enquanto ele vem perdendo espaço para o presidente Jair Bolsonaro em todas as pesquisas.

A equipe que gerencia as redes sociais do ex-presidente também foi substituída. A foto do perfil dele foi trocada por uma imagem em que Lula aparece com um óculos semelhante ao que foi utilizado por Bolsonaro em um passeio de folga, no litoral de São Paulo, no fim do ano passado.

“Então, não tem mais graça. Se você quer dar risada, é nesses programas de humorismo chato para cacete de televisão”, disse ele. “Me parece que depois que Chico Anysio morreu, desapareceram os humoristas no Brasil”, acrescentou Lula.

Assista ao vídeo a seguir

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *