Moro sobre pré-candidatura de Bivar: ‘sigo como soldado da democracia’

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse nesta quinta-feira (14), que seguirá ‘como soldado da democracia’ após ter sido preterido da disputa pela Presidência da República. O partido dele, União Brasil, lançou oficialmente o nome de Luciano Bivar como pré-candidato a presidente.

“Espera-se que os demais partidos também possam definir, com clareza, os seus pré-candidatos. Sigo como um soldado da democracia, estimulando a composição”, escreveu Moro nas redes sociais. No mês passado, ele deixou o Podemos, onde tinha garantia de disputar o Planalto, para concorrer ao cargo pelo União Brasil.

Com a indicação de Bivar, presidente do União, Moro terá que mudar os planos para as eleições de outubro. Nos bastidores, se cogita uma disputa por uma vaga na Câmara dos Deputados por São Paulo. A Executiva Nacional do União Brasil sofreu uma forte pressão, nos últimos dias, para inviabilizar a postulação do ex-juiz da Lava-Jato.

Indicação de Bivar

A indicação de Bivar como pré-candidato contou com a assinatura do deputado federal Efraim Filho, que preside o partido na Paraíba e é o 1º secretário nacional da legenda. O secretário-geral ACM Neto e o 1º Vice-presidente, Antonio Rueda, também aprovaram a indicação.

O próximo passo do partido será se reunir às demais legendas que buscam formar a “terceira via” para a eleição do Planalto. Com a indicação de Bivar, o ex-ministro Sérgio Moro, que se filiou recentemente ao União Brasil, deixa de vez a corrida pelo Palácio do Planalto.

Leia a publicação a seguir

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *