EXCLUSIVO: Wellington Roberto afirma que filiação de Bolsonaro no PL envolve ‘amplo entendimento’ e abre portas da legenda para bolsonaristas da Paraíba; Ouça

O deputado federal Wellington Roberto, líder do PL na Câmara, disse nesta segunda-feira (08), que é ‘muito importante’ ter Jair Bolsonaro nos quadros do partido e que a filiação do presidente no partido deve ser oficializada no dia 22. O objetivo, segundo ele, é ‘fazer uma grande campanha em 2022’ em todo o Brasil.

Em entrevista exclusiva ao blog Agenda Política, Wellington Roberto destacou que o acordo para a filiação de Bolsonaro envolve um ‘amplo acordo partidário’ para eleger, além do presidente, o maior número de senadores e deputados federais. “Sempre pensando no melhor pelo país e para o país”, resumiu.

A chegada de Bolsonaro ao partido, na avaliação de Wellington, também vai reforçar os planos do partido para o próximo ano na Paraíba. O parlamentar deve disputar a reeleição na Câmara e tem o filho, Bruno Roberto, como pré-candidato ao Senado. “Estamos preparados e esperamos que o povo da Paraíba nos credencie”, disse.

Direita raiz

O líder do PL ressaltou que as portas da legenda estão abertas para a filiação de aliados do presidente Jair Bolsonaro que estão em outros partidos, a exemplo do PSL e do Patriota, que pertencem à chamada ‘direita raiz’.

“São companheiros que têm relevantes serviços prestados ao povo da Paraíba e vamos aguardar uma conversa mais ampla para que possamos ajudar a Paraíba, o Nordeste e o Brasil”, reforçou.

A decisão

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, em entrevista à CNN Brasil, que deve se filiar ao Partido Liberal (PL), que é presidido pelo ex-deputado Valdemar da Costa Neto. “Está 99% fechado. A chance de dar errado é quase zero. Está tudo certo”, afirmou.

OUÇA, A SEGUIR, ENTREVISTA COM O DEPUTADO WELLINGTON ROBERTO

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *