Bolsonaro liga para família de petista assassinado: ‘nada justifica o crime’

Presidente Jair Bolsonaro  / Foto: Bernadett Szabo

O presidente Jair Bolsonaro (PL) ligou, nesta terça-feira (12), para a família do tesoureiro do PT Marcelo Arruda, assassinado no último sábado (9) em sua festa de aniversário de 50 anos, em Foz de Iguaçu. Em conversa por videochamada, o presidente disse aos irmãos do guarda municipal que ‘nada justifica’ o crime.

As informações foram compartilhadas inicialmente pelo colunista Igor Gadelha, do portal Metrópoles.

Segundo o jornalista, a conversa aconteceu no início da tarde e foi intermediada pelo deputado federal Otoni de Paula (MDB-RJ), aliado do presidente, que viajou até Foz do Iguaçu a pedido de Bolsonaro para conversar com familiares do petista.

Na conversa, Bolsonaro convida os familiares do petista a encontrarem ele no Palácio do Planalto e sugere que a família dê uma coletiva de imprensa em Brasília. O deputado Otoni de Paula afirmou que os familiares de Marcelo Arruda devem ser recebidos por Bolsonaro na próxima quinta-feira (14), no Planalto.

No vídeo, os irmãos de Marcelo afirmam que estão ‘inconformados’ com a politização do caso.

Assista ao vídeo:

Agenda Política com informações do colunista Igor Gadelha e do Portal Metrópoles

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *