Aguinaldo Ribeiro descarta receber apoio de Bolsonaro em 2022: ‘relação é institucional’

Deputado federal Aguinaldo Ribeiro no estúdio da Rádio Arapuan FM / Foto: reprodução

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) disse nesta sexta-feira (26), que não pretende contar com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao seu projeto político de candidatura ao Senado nas eleições do próximo ano, apesar de manter uma ‘relação institucional’ com o Governo Federal.

O parlamentar afirmou em entrevista ao programa Arapuan Verdade, da rádio Arapuan FM, que mantém essa posição desde a eleição de Arthur Lira para a Presidência da Câmara com o apoio do Palácio do Planalto. Para ele, o episódio tirou a independência do Parlamento.

“Essa posição eu tenho desde antes, na Câmara. Tenho boa relação com Arthur Lira, mas a candidatura dele, naquele momento, entendi que era o governo dentro do Parlamento, e eu defendo um Parlamento independente como sempre foi”, avaliou.

Aguinaldo Ribeiro revelou que dialoga sobre o futuro do Progressistas com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, seu aliado, mas que isso não significa que haverá um apoio da Presidência da República ao seu projeto político na Paraíba.

“Minha posição é de respeito, pois faz tempo que mantenho essa relação institucional, que sempre defendi”, observou. Além de Aguinaldo Ribeiro, Efraim Filho, que também se coloca como pré-candidato ao Senado, rejeitou esta semana, em entrevista à Rádio Arapuan FM, ter o apoio do presidente Jair Bolsonaro no próximo ano.

Ambos disputam uma vaga na chapa do governador João Azevêdo (Cidadania) que tem dito reiteradamente que não aceitará em sua chapa majoritária, nomes ligados ao presidente Jair Bolsonaro, adversário político do Palácio da Redenção.

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *