Sérgio Moro confirma pré-candidatura ao Senado por São Paulo

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse nesta quarta-feira (25), em entrevista à Rádio Arapuan FM, que é pré-candidato ao Senado pelo Estado de São Paulo. Uma pesquisa Real Time Big Data contratada pela Record TV e divulgada na segunda (21) coloca o ex-juiz em segundo lugar na disputa.

“Estou construindo meu espaço. Estou como pré-candidato ao Senado aqui em São Paulo. Isso vai depender, ainda, de eu tomar uma decisão definitiva quanto a isso e ao próprio partido. Onde eu estiver vou ser sempre o mesmo, coerente com aquilo que eu digo e com aquilo que eu faço”, afirmou.

Em março deste ano, Sérgio Moro anunciou sua desistência de concorrer à Presidência da República. Por meio de nota, informou que será ‘um soldado da democracia para recuperar o sonho de um Brasil melhor’. Naquele mesmo dia, migrou do Podemos para o União Brasil, presidido nacionalmente por Luciano Bivar.

Na ocasião, Moro disse que tinha como objetivo “facilitar as negociações das forças políticas de centro democrático em busca de uma candidatura presidencial única”.

Atuação na Lava-Jato

Responsável pela condenação de Lula da Silva (PT) e de outros figurões da política nacional envolvidas em corrupção, no âmbito da Operação Lava-Jato, Moro sofre uma série de retaliações desde que abandonou o presidente Jair Bolsonaro (PL) ao romper com o Governo Federal.

Esta semana, a Segunda Vara Cível da Seção Judiciária do Distrito Federal recebeu o pedido inicial da Ação Popular feita por integrantes da coordenação da campanha de Lula por dano ao erário contra o ex-juiz Sergio Moro.

Na decisão, o juiz federal Charles Renaud Frazão de Moraes intima o Ministério Público Federal para que tenha ciência da manifestação. Moro, que se tornou réu, agora deve apresentar a defesa inicial.

Confira a publicação a seguir

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *