‘Tomo Lexotan na veia para não levar o presidente a tomar uma atitude mais drástica em relação ao STF’

Foto: Mateus Bonomi/Agif/Folhapress

“Temos um dos Poderes que resolveu assumir uma hegemonia que não lhe pertence, não é, não pode fazer isso, está tentando esticar a corda até arrebentar. Nós estamos assistindo a isso diariamente, principalmente da parte de dois ou três ministros do STF”.

“Eu, particularmente, que sou o responsável, entre aspas, por manter o presidente informado, eu tenho que tomar dois Lexotan na veia por dia para não levar o presidente a tomar uma atitude mais drástica em relação às atitudes que são tomadas por esse STF que está aí”.

As frases são do ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, em discurso na formatura do Curso de Aperfeiçoamento e Inteligência para agentes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), nesta terça-feira (14). A gravação foi obtida pelo jornalista Guilherme Amado, do site ‘Metrópoles’.

Agenda Política

Compartilhe

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *